Vitrine do samba

2011 – X9 Ribeirão Pretana – Ficha técnica e Letra


Publicado em 9 set 2010

X9 RIBEIRÃO PRETANA

 

CARNAVAL 2011


O Grêmio é uma associação civil com objetivo sócio-comunitário e culturais, nasceu de um grupo de componentes apaixonados por carnaval. Tendo como um dos objetivos produzir anualmente um espetáculo carnavalesco.  Em 2008 se apresentam pela primeira vez como Mini-escola de Samba com a intenção de reconhecimento como Escola de Samba veterana para os próximos carnavais e em 2009 como escola de samba veterana . Mais a escola não entrou com o número de componentes exigido pela Liga carnavalesca, e acabou  sendo punida na apuração. Sendo Assim a X-9 não veio a desfilar no carnaval de  2010 , por falta de verba. E retornando com força Maior no carnaval de 2011 , Para mostrar que a G.R.C.E.S X-9 Ribeirão Pretana merece ficar no Carnaval de Ribeirão Preto.

Ficha Técnica Carnaval 2011:

Fundação: 13/03/2006
Cores oficiais: Verde, Branco e Vermelho
Presidente: Ana Maria da Silva
Contato: 016- 9128-0097
Endereço: Rua Rio Paraguaçu, 635 – Ipiranga –
Enredo: Moro a Onde Não Mora Ninguem
Autor do samba enredo: Emerson Luis do Espirito Santo – “Negritudy”
Porta bandeira: Drielly da Silva Inocente
Mestre Sala: Raony Willian da Silva
Carnavalesco: Comissão Carnavalesca
Intérprete: Carlos Humberto Ghilardi Júnior-” Carlitos da X-9″
Coordenador de harmonia: Daisy Roberta Quirino

LETRA DO SAMBA ENREDO 2011

Estou Feliz a Onde Vivo

Tenho  um lugar pra descansar
E as aves que aqui gorjeiam não são felizes como La
La tem lembranças , carinho e esperança
Tudo aqui num só lugar oh oh oh
Então abra o coração e aprecie o que a X-9 tem pra Le mostrar.

Aos noves meses surge uma nova vida separando-se
Do ventre sua primeira moradia
Vendo os perigos que na vida há de ter
Mais tendo o leito materno pra sua vida proteger.

Nem bem começa seu primeiro ano de vida
Já se   depara com as tragédias da favela
Dificuldades uma são vencidas ,
existe um rio de esperança Dentro dela

a tartaruga tem a casa em suas costas
E um mistério que só deus pode explicar
Se for castelo ou ate mesmo um barraco
O importante é ter onde habitar
O como índio que habita entre as matas
Desde que todos tenham seu lar doce lar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Todos os direitos reservados à Conquista Marketing e Propaganda - 2005 à 2011.