Marson Sinopse do enredo 2009

Publicado por Rota do Samba em

ENREDO 2009: “DA MENTE DE UM  LOUCO … UMA  IDÉIA GENIAL. ASSIM SE FAZ MEU  CARNAVAL!”

 Introdução:

O Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba Marson tem o prazer de trazer os bastidores da maior manifestação popular brasileira: O DESFILE DE CARNAVAL; a fábrica de ilusões e de sonhos que nos transforma, misturando raças, credos e classes sociais numa grande miscigenação que a todos iguala.

Exibiremos a produção do pré-desfile detalhadamente, guiado pelo seu próprio criador: o CARNAVALESCO, personificado na figura de um louco, que em suas idéias e delírios, traduzirá em arte os bastidores do desfile de carnaval.

SINOPSE:

1º Setor – “DELÍRIOS DE UM LOUCO”

Acabado o último carnaval, chega a hora de começar tudo novamente. Nosso louco tem, então, em seus sonhos e delírios, sua primeira luz, sua primeira idéia de como transformar a ilusão em realidade.

Mergulhado em extensas linhas, livros começam a ser devorados por nosso louco, que percebe que alguns fatos, povos e personagens acabam sendo constantes em sua pesquisa, e que de certa forma influenciaram a cultura do nosso país, de vários povos e continentes.
 
Sua mente brilhante é realmente uma máquina de idéias, que através de pincéis e lápis de cores tomam forma e dão vida à imensidão branca de uma folha de papel.

Após levantamento de vasto material, entre tiradas e sacadas geniais, é elaborado um resumo do todo pesquisado: a Sinopse do Enredo, que vai nortear toda a montagem do desfile carnavalesco.

 2º Setor – “A PREPARAÇÃO”

Entre idéias e fatos, encontros são marcados, afinal há muito a ser cuidado. As reuniões esclarecem, afinal a muito a ser falado. Decisões devem ser tomadas!

Através dos delírios de nosso louco, frases, personagens e palavras da sinopse ganham traços melódicos para “cantar” suas idéias. Uma competição é lançada, compositores disputam o título entre linhas e versos, para ser a voz, a expressão do poeta, em forma de música… em forma de samba. Enfim, é escolhido o nosso hino, o nosso samba de enredo, a letra e melodia que irá embalar cada membro de nossa comunidade.

3º Setor – “TRANSFOMANDO SONHOS”

Equipes são formadas, a divisão e a organização dos trabalhos são essenciais.

Folhas ganharam desenhos, que agora se transformarão em lindas fantasias. Moldes ganham vida, tecidos ganham formas, afinal nossos figurinos têm que ser criados. Seguidos pelas diretrizes do louco, costureiras, aderecistas e bordadeiras dão vida a nossos protótipos.

Começa então a grande loucura do barracão. De um chassi de caminhão, entre barras de ferros, começa a surgir verdadeiras obras de arte. Nessa ocasião, temos uma legião de artistas anônimos (serralheiros, soldadores, pintores, escultores, eletrecistas) trabalhando com o louco em nossas nas alegorias. Entre marteladas e pinceladas, nossa arte é mostrada.

Quase tudo pronto…! A batucada segue dia a dia com hora marcada; é o ensaio da bateria, o coração da nossa escola. Nosso samba embala e encanta nossos componentes que cantam e dançam em perfeita sincronia, feito um hino, em uma só voz, a voz do coração!

4º Setor – “A HORA DO SHOW”

No gingado da passista, e na emoção de cada componente, nos preparamos para a grande largada, e, assim, com tudo pronto, seguimos para o nosso show, afinal foi um ano de muita garra, força e união!

As sirenes anunciam que a hora é essa!…é chegada a hora do desfile, o momento mais forte e emocionante!
Marson, a passarela é de vocês!
O intérprete dá o grito… “ALÔ MARSON, É HORA DO SHOW…”.
Corações palpitam e a multidão se agita!… em cada componente uma expressão de êxtase e alegria; o sorriso, a preocupação, a tensão, os gritos, a adrenalina, as lágrimas, o suor, o canto e a dança…o componente delira!…

Enfim o sonho e o delírio do nosso louco se tornam real.

Com nossa Comissão de Frente ganhando a passarela entre passos e bailados, é iniciado nosso espetáculo!…

É a nossa escola, nossa comunidade, em evolução firme e contagiante!…é a nossa verde e branco pisando forte na avenida!

Nosso pavilhão entra em cena!… a emoção explode no peito!…é o nosso símbolo, nosso brasão, que entre giros, palmas e lágrimas de emoção, nos conduzem à reta final…
 
Nossa garra mais uma vez foi mostrada! Agora é hora de esperar. Mas a multidão já aclamava: MARSON TRI-CAMPEÃ DO CARNAVAL!


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.